Porque a vida não é um lugar comum. "Transmutar su carne en alma; luego su alma en sueño"

10
Jan 08
Adaptado da LNEC (Liga Nacional de Enamorados e Comprometidos)
Respondam, em conjunto com o parceiro(a) às seguintes questões:
1) Segurança, eficiência e capacidade das operações (= Sentem-se bem e seguros um com o outro? Superam as crises juntos?)
2) Sustentabilidade dos recursos naturais e riscos (= Mantêm vida familiar normal? Discutem frequentemente?)
3) Compatibilidade e desenvolvimento económico e social (= Têm muitas coisas em comum? O flirt é sempre memorável? Fazem alguma coisa na vida? Saem com amigos?)
4) Viabilidade económica (= Não se importam de investir uns trocos para estarem juntos? Gostam de se mimar mutuamente com uns presentitos?)
5) Conservação da natureza e biodiversidade (= Pensam em ter filhotes?)
6) Sistemas de transportes terrestres e acessibilidades (= Têm viatura própria? Vivem muito longe um do outro?)
7) Ordenamento do território (Ponderam a hipotese de reoordenar o vosso espaço em prol do parceiro? (ou adquirir um espaço conjunto?)
Se responderam afirmativamente às 4 1as, estão destinados a ficarem juntos (PARABÉNS!). É provável que tenham de ir viver para Alcochete.
Caso contrário, optem pela separação. Podem ficar a viver em pontos diametralmente opostos da Ota.
Se responderam afirmativamente a todas, tiveram uma mãozinha do destino (é sorte a mais).
By the way, repararam que são 7???
magnetizado por Bibs às 21:00

No comments:
Vim aqui parar por engano, acabando por valer a pena uma ve que achei este texto formidável. Uma abordagem branda mas acutilante.
Felicidades para o blog.
António Fonseca a 10 de Janeiro de 2008 às 23:16

Vim aqui parar por engano, acabando por valer a pena uma ve que achei este texto formidável. Uma abordagem branda mas acutilante.
Felicidades para o blog.
António Fonseca a 10 de Janeiro de 2008 às 23:16

Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11

18
19

25
26



me, myself&I
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO