Porque a vida não é um lugar comum. "Transmutar su carne en alma; luego su alma en sueño"

07
Mar 08
"Dizem que ...

Todos os dias temos que comer uma maçã por causa do ferro
e uma banana por causa do potássio.
Também uma laranja, para a vitamina C, meio melão para
melhorar a digestão e uma chávena de chá verde sem açúcar
para prevenir a diabetes.

Todos os dias temos que beber dois litros de água (sim, e
logo a seguir mijá-los, que leva quase o dobro do tempo
que a bebê-los).

Todos os dias temos que tomar um Activia, ou um iogurte,
para ter 'L. Cassei Defensis', que ninguém sabe
exactamente que porcaria é, mas parece que se não ingeres
um milhão e meio todos os dias, começas a ver toda a
gente com uma grande diarreia ou presos dos intestinos.

Cada dia uma aspirina, para prevenir os enfartes, mais um
copo de vinho tinto, para a mesma coisa. E outro de vinho
branco, para o sistema nervoso.
E um de cerveja, que já não me lembro para que era.
Se os tomares todos juntos, mesmo que te dê um derrame
cerebral na hora, não te preocupes, pois o mais certo é
que nem te dês conta disso.

Todos os dias tens que comer fibras. Muita, muitíssima
fibra até que sejas capaz de defecar uma camisolona bem
grossa.

Tens que fazer quatro a seis refeições diárias leves sem
te esqueceres de mastigar cem vezes cada garfada. Ora,
fazendo um pequeno cálculo apenas a comer vão-se assim de
repente umas cinco horitas. Ah, depois de cada refeição
deves escovar bem os dentes, ou seja, depois do Activia e
da fibra, os dentes; depois da maçã, os dentes; depois da
banana, os dentes.
Assim, enquanto tiveres dentes, não te podes esquecer
nunca de passar o fio dental massajador das gengivas e
bochechar com PLAX...

Melhor, amplifica a casa de banho e põe a aparelhagem de
música lá, porque entre a água, a fibra e os dentes vais
passar muitas horas (quase metade do dia) ali dentro.
Equipa-o também de jornais e revistas para te pores a par
do que se passa, enquanto estiveres sentado na sanita,
porque com a quantidade de fibra que estás a ingerir, são
mais umas horitas diárias.

Temos que dormir oito horas e trabalhar outras oito, mais
as cinco que usamos a comer, faz vinte e uma. Restam três
horas, isto se não surgir nenhum imprevisto. Segundo as
estatísticas, vemos três horas de televisão diárias. Bem,
já não podes, porque todos os dias devemos caminhar pelo
menos uma meia hora (convém regressares ao fim de 15
minutos, senão andas mas é 1
hora!).

E há que cuidar das amizades porque são como uma planta:
temos que as regar diariamente. E quando vais de férias
também, suponho, senão as plantas morrem nas férias. Para
além disso, há que estar bem informado e ler pelo menos
um dos jornais diários e uma revista séria, para comparar
a informação.

Ah! E temos que ter sexo todos os dias mas sem cair na
rotina: temos que ser inovadores, criativos, renovar a
sedução. Isso leva o seu tempo. E já nem estamos a falar
do sexo tântrico!! (a respeito disso, relembro: depois de
cada refeição temos que escovar os dentes!)

Também temos que arranjar tempo para a maquilhagem, a
depilação, fazer a barba, varrer a casa, lavar a roupa,
lavar os pratos e já nem digo, os que têm gatos, cães
pássaros e uma catrefada de filhos...

No total, a mim dá-me umas 29 horas diárias, se nunca
parares.

A única possibilidade que me ocorre, é fazer várias
destas coisas ao mesmo tempo: por exemplo, tomas duche
com água fria e com a boca aberta, e assim bebes logo os
dois litros de água de uma vez. Enquanto sais do banho
com a escova de dentes na boca, vais fazendo o amor, o
sexo tântrico, parado, junto ao teu par, que de passagem
vê TV e te vai contando o que se passa,
enquanto varre a casa.

Sobrou-te uma mão livre?

Telefona aos teus amigos e aos teus pais!

Bebe o vinho e a cerveja (depois de telefonares aos teus
pais, vai fazer-te falta!). O iogurte com a maçã pode
dar-te o teu par enquanto ele come a banana com a
Activia.
No dia seguinte troquem

E menos mal que já crescemos, porque senão tínhamos que
engolir mais umas Cerelacs e um Danoninho Extra Cálcio
todos os santos dias.
Úuuuf!



E agora vou deixar-te porque entre o iogurte, o meio
melão, o primeiro litro de água e a terceira refeição do
dia, já não faço a mínima ideia o que é que estou a fazer
porque preciso urgentemente de uma casa de banho.

Ah, vou aproveitar e levo comigo a escova de dentes..."
magnetizado por Bibs às 12:23

06
Mar 08
magnetizado por Bibs às 10:13

05
Mar 08

Chama-se a isto partilhar o segredo do negócio!!!!
magnetizado por Bibs às 11:51


Ou ando demasiado exigente e expectante, ou então é mesmo generalizado...
Desilusão...
E gafes???
When Eli enters Daniel's office to ask about the blessing, as he starts to sit down his hands are starting to tent together, but when the camera changes his hands are at his side and when only after he sits down does he tent his fingers.
magnetizado por Bibs às 11:40

Depois de meses a digerir os estadios de mudança dos famigerados Prochaska e DiClemente, eis que finalmente me deixo de pré-contemplações e contemplações.
ACÇÃO!!!! DEVOÇÃO!!!! (suor e lágrimas!)
magnetizado por Bibs às 11:28

Aconselho sabiamente a visita a este place...
Passados alguns minutos de tentativas consecutivamente frustradas, acaba-se a insónia!!!
magnetizado por Bibs às 11:20

Cheira a relva fresca; mesmo com os 12 graus gélidos dá vontade de ficar na varanda com o pc e as folhas de ementas esvoaçantes. Sinto-me meio chouriço, enlatada em 2 kispos que mal me deixam escrever este post.
Mas razões mais fortes se "alevantam". E os meus olhos erguem-se para o "conteúdo" saído de um autocarro escoltado, que "atraca" na marginal (é caso para dizer que merendas da manhã destas ultrapassam os 10% do VET).
Minhas amigas: há de tudo!!! Para todo o santo bom (e também mau) gosto!!
Estamos em estado de sítio; aliás, estamos no sítio certo!!!!
Totalmente shalkeadas:P
magnetizado por Bibs às 11:10

02
Mar 08
Os meus 18 já lá vão. Conjecturei-os vezes sem conta, planos astronómicos para 12 meses sempre bem vividos... Quis fazer tanta coisa, fazer sempre de maneira diferente (acho que quero sempre fazer de maneira diferente, ainda hoje penso assim).

Na verdade não houve mudança radical. Tirei a carta (acho que foi o mais marcante de tudo); de resto, tudo o que já fazia, continuei a fazer.

O Público também celebra a maioridade. E hoje ofereceu uma edição de 2 de Janeiro de 1990 (terça-feira). Na altura, custava 60$00 (face ao euro e quarenta que paguei pelo jornal de hoje, nem se nota muito a inflação...). Esta edição especial é toda a preto e branco, faz publicidade a organisers (!!!) e ao Banco Totta & Açores (!!!) e faz-me sentir uma cota de primeira!!!

O mais incrível de tudo: em 1990 já se previa a crise da companhia nacional de bailado... (Nostradamus face a isto não vale nada)

Bem, ao contrário da minha singela mudança aos 18, o Público mudou (e para bem melhor).

Se, por ventura, tiverem oportunidade, dêem uma vista de olhos. Sou miúda pa arriscar a dizer que vale mesmo a pena.
magnetizado por Bibs às 16:17






I'm a star!!!

Os "western" voltam a dar que falar... e eu nunca me descuro no que toca a últimas tendências. (I´m not a fashion victim)

Esta é a nova aquisição, após muito gabanço e pedinchice.
O meu muito Bem Haja a que ma cedeu :)

LINDAAAAAA
magnetizado por Bibs às 16:13

Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
13
14
15

16
18
20
21
22

23
24
26
27
28
29

30
31


subscrever feeds
me, myself&I
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO