Porque a vida não é um lugar comum. "Transmutar su carne en alma; luego su alma en sueño"

14
Fev 09

 

 

É no meio dos nossos poucos silêncios que ganho oportunidade de somar cada um dos pedaços de vida que tu me acrescentas.

Foi naquela calma quase irónica, num prisma de mil emoções, que o meu coração (e o teu), estilhaçados por fervores de vida passados, abriram um qualquer caminho que veio dar aqui. A este hoje de conjugação fácil. A este amor que não sei escrever.

Feliz dia.

 

 

 

magnetizado por Bibs às 00:44

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10

15
16
17
18
19
20
21

22
23
25
26
27
28


subscrever feeds
me, myself&I
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO